Mudamos para www.tradutorprofissional.com

sexta-feira, 30 de maio de 2008

Falecimento

Hoje, dia 30 de maio , um pouco antes das 5 da manhã, a Vera, minha companheira de 40 anos de jornada, se foi para sempre. Foi para poder ficar ao lado dela neste fim de vida que sumi das listas, comunidades e blog. Gostaria, agora, de escrever uma despedida bonita à altura do amor que nos uniu, mas não tenho condições.

Atendendo ao desejo dela, as cerimônias funerais serão restritas aos familiares.

Na semana que vem, volto a escrever no blog e às minhas atividades habituais.

8 comentários:

O Leitor disse...

Danilo, que bom que você vai voltar ao convívio. Você e Vera são um exemplo e uma inspiração para mim e acho que para muitas outras pessoas também, não só em termos profissionais. Um abraço, amigo.

camposleza disse...

Danilo,

Sem te conhecer pessoalmente, mas tendo te ouvido e escutado muito nas listas e nas reuniões na sala 7, você é para mim uma pessoa querida.

Um forte e sincero abraço nestes duros momentos.
Fernando

Anônimo disse...

Prezado Danilo,
O companheirismo é o que há de mais belo numa relação, seja de que tipo for: amizade, fraterna, filal. conjugal...
Mesmo agnóstico, agradeça a Deus pelos anos de companheirismo vividos com ela. Não importa seu modo de pensar, Deus o entende.

Sou grata à Vera por tudo o que lhe proporcionou. A gente se priva fisicamente de um ser querido que estava sofrendo - como me aconteceu recentemente com relação à minha mãe - porém se tranquiliza ao ver que este ser não sofre mais e que está mais bem cuidado do que aqui. Nossos esforços, embora feitos com grande amor, são limitados e só podemos ajudar até certo ponto. "Tudo o mais é com Deus!", como diz nosso querido Fernando Pessoa.

Nada como a paz nos nossos espíritos e corações.
Deus esteja com você, Danilo.
Meu abraço sincero.

Stella Machado.

Ivan Cortez disse...

Gostaria de dar-lhe meus pêsames. Estamos todos com vc. Grande abraço

Gio disse...

Prezado amigo, quisera ter palavras para fazer minha a dor que você sente. Que o amor que uniu vocês dois em vida te dê a força necessária para seguir adiante. Com muito carinho e pesar,

Gio

Eliana Vidal disse...

"Saying goodbye doesn't mean anything. It's the time we spent together that matters, not how we left it."

Trey Parker

Um grande abraço de Curitiba.

Eliana

Lucia Fontes disse...

"Vida passa, tudo passa
Só você que ficou, saudade
Pois tudo muda, tudo morre
Só não morre o amor"
(Beto Marden)

Sinto muito por sua perda, Danilo. Embora os corpos estejam separados, seus corações permanecerão juntos para sempre.

Não me conheces, mas sou uma admiradora anônima de suas idéias e sua profissão. Participo calada das listas e visito seu blog com freqüência.

Força!

Abraço,
Lucia

Gerlane G. Oliveira disse...

Olá Danilo.Tenho visitado seu blog constantemente e nunca comentei algo até o momento.
Não é fácil conviver durante anos com uma pessoa amada, e em instantes vê-la partir, sinto muito por isso,que nestes momentos tão difíceis, você possa sentir o amor de Deus restaurando seu coração, e que venha a entender que não importa as circunstâncias adversas que nos são impostas pela vida,há razão para continuar em frente,sabendo que Deus ainda cuida de nós.