Mudamos para www.tradutorprofissional.com

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Você trabalhou no feriado?

Você trabalhou no feriadão? Todo mundo de papo pro ar e você, aí, malhando no computador? Muita gente não se importa de trabalhar nos fins de semana e feriados. Eu sou um deles, porque faço parte do MSP (Movimento dos Sem Programa). Mas outros sofrem muito.

Trabalhar em feriado é, em parte, o preço pago por tantas vezes sairmos no "horário de expediente", quando os outros estão trabalhando; às vezes, o preço pago pela nossa própria desorganização; outras vezes, o preço de não saber dizer "não".

Se você trabalhou no feriado, seria bom ver por quê. Se trabalhou porque queria ou por falta de coisa melhor que fazer, tudo bem. Se trabalhou por não saber dizer "não", saiba que padece de uma grave doença endêmica entre os tradutores. Um dos meus bordões neste blogue é que precisamos aprender a dizer "não", educadamente, sem bronca, sem explicações. Se você não está a fim de fazer o serviço, não precisa explicar que é porque tem que almoçar com a sogra e, principalmente, não precisa dizer que tem que almoçar com a sogra se, na verdade, quer aproveitar para passar o fim de semana na praia. Se você trabalha por conta própria, como eu, só tem a obrigação de cumprir o que prometeu ao cliente e não deve satisfações a mais ninguém.

Por outro lado, se você tiver trabalhado no fim de semana por ter sido indisciplinado durante o resto da semana, acho que está na hora de aprender a se disciplinar - ou, ao menos, não se queixar.

3 comentários:

Ágata disse...

Eu acho (ou pelo menos espero) que ouvir isso pode te animar um pouquinho: por sempre ler o bordão de que temos que aprender a dizer "não" é que ele foi entrando na minha cabeça e que eu não trabalhei nesse feriado. Não que não tenha coisa pra fazer, mas um tempo atrás resolvi que fim de semana e feriado eu só trabalho se for uma situação realmente especial, como aconteceu no fim de semana passado. Fora isso, é tempo de descansar, mesmo que não haja nada pra fazer :)

*Lusinha* disse...

Felizmente não trabalhei no feriado é excessão da excessão eu precisar trabalhar em um.
E faria de tudo para acabar minhas coisas durante a semana para nao gastar meu feriado, com certeza.
Bjitos!

Isabel disse...

As pessoas quase nunca estão felizes com seu modo de vida. Enquanto uns reclamam de muito trabalho, outros, como eu, está há algum tempo sem ter o que fazer. Frequento aulas de pós na USP para não ficar totalmente desatalizada, mas trabalho, não sei onde procurar mais. Gostaria muito de ter trabalhado no final de semana, feriado, até tarde, qualquer horário.
Beijos!!