Mudamos para www.tradutorprofissional.com

terça-feira, 29 de setembro de 2009

Dia do Tradutor ou da Secretária?

Um belo dia, lá para o ano de 382, o papa Dâmaso chegou à conclusão de que alguém precisava dar um jeito na Bíblia latina.

A Bíblia, como entendida pelos cristãos, é uma coletânea de textos escritos originalmente em hebraico e aramaico. O que os cristãos chamam Novo Testamento só nos resta em grego. Havia, desde o tempo de Alexandre Magno, uma tradução grega das escrituras judaicas, feita pela comunidade judaica de Alexandria, mas, à medida que o cristianismo se expandia para o ocidente e se perdia o conhecimento de grego, fazia-se necessária uma tradução em latim, que era a língua que a maioria entendia.

Na verdade, já existia um texto latino, ou, melhor dizendo, uma porção deles, mas nenhum muito confiável. Era necessário, então - entendia o papa - fazer uma tradução que prestasse ou, ao menos, revisar, organizar, uniformizar e consolidar o que havia.

O papa encarregou seu secretário de arrumar aquilo tudo. Já naquela época, tradução era considerada coisa de secretária, como você vê. O secretário do papa era um tal de Eusebius Sophronius Hieronymus. Sabia latim, que era o que se falava em Roma, sabia bem grego, como todo homem culto de seu tempo, e enganava bem em hebraico.

Sua vida agitadíssima, algo rocambolesca, terminou em 30 de setembro de 420. Intelectual cristão respeitado até pelos judeus, Jerônimo teve lá suas limitações e falhas, como todo tradutor que se preze. Não vou agora ficar apontando as falhas dele como tradutor. Nem que quisesse, poderia, porque entendo quase nada de latim, menos ainda de grego e absolutamente nada de hebraico e aramaico. O objetivo deste artigo era simplesmente lembrar por que dia 30 de setembro é dia da secretária e também dia do tradutor e desejar a todos nós um bom ano tradutório e - por que não dizer - secretarial.

Amanhã, não devo escrever aqui: pretendo ir à USP, ver a comemoração que vai por lá haver.

Obrigado pela visita e volte na quinta, que tem mais.

3 comentários:

Fabio disse...

Danilo, só estou passando aqui para lhe desejar um Feliz Dia do Tradutor! Continue sendo uma grande fonte de inspiração para tantos quantos quiserem seguir ou continuar seguindo a carreira de tradutor.
:-)

Adriana Zardini disse...

Danilo, parabéns pelo blog! Parabéns para nós tradutores!

Anônimo disse...

Parabéns para nós todos. Como o contato está dando erro, posso aproveitar e sugerir um link comemorativos do dia dos tradutores (e intérpretes, suponho) aqui? http://www.revistapiaui.com.br/edicao_36/artigo_1140/Fina_sintonia.aspx
Texto bom, interessante, abrangente, longo, raridade algo assim. Até a ilustração é inteligente. Eu, pelo menos, não conhecia.
Espero que gostem.
Raquel (tradutora e intérprete)